REFORMA DO TELHADO

Entenda como fazer a avaliação de fornecedores para obras de grande porte

Quando pensamos em arquitetura, o primeiro aspecto que vem à nossa cabeça é o design. Afinal, essa é a “cara” do projeto arquitetônico, algo que caracteriza o estilo do profissional e reflete seu modo de pensar em meio à sociedade.

Mas por trás do design está a escolha dos materiais. São várias decisões, mas particularmente a estrutura precisa ser muito bem realizada. Existem vários componentes importantes, como o telhado, que precisam ser bem construídos para não afetar outros pontos da construção.

Assim, escolher o que usar não só permite a realização do projeto, mas garante segurança e funcionalidade. Por isso, a avaliação de fornecedores é fundamental.

Quer saber quais aspectos ajudam a escolher boas parcerias? Confira neste post!

Motivos para se preocupar com os fornecedores

Com tantas opções de materiais e empresas, e às vezes prazos apertados, o profissional pode ter dificuldade em pesquisar boas parcerias. Dessa forma, acaba selecionando algumas opções indicadas ou alguém mais conhecido.

Isso não é errado, pois trabalhar com quem confiamos é essencial. Contudo, quando o espectro de opções é maior, existe a possibilidade de conhecer novas oportunidades.

Como a arquitetura está em constante mudança, é bom evoluir com ela — ou seja, conhecer novos materiais e, consequentemente, mais parceiros. Por causa disso, há vários motivos para se preocupar com bons fornecedores.

Reputação

O sucesso das obras do profissional de arquitetura está diretamente relacionado com a sua reputação. Se forem bem-feitas, você sabe que pode virar referência na área. Mas basta uma dar errado para que sua reputação seja manchada, não é? Por isso, é essencial o cuidado com os materiais em todos os pontos de cada projeto.

You might be interested:  3 dicas de como cuidar bem do seu telhado

Segurança

Já pensou se parte do telhado cai na cabeça de alguém? Pois é, a preocupação número 1 da arquitetura deve ser o foco na segurança. Afinal, são ambientes de circulação de pessoas — seja para trabalho, seja para moradia — e precisam ser confiáveis.

Qualidade

Uma construção de qualidade evita problemas de segurança e reformas constantes — como aquela goteira que surge a cada chuva. Quando os materiais são bons, têm maior durabilidade e o projeto será bem mais valorizado.

Funcionalidade

Bons materiais garantem a funcionalidade do projeto. Ou seja, a ideia que você quer passar poderá ser plenamente executada. Assim, tudo ficará como você pensou.

Variedade

Como falamos, não há nada de errado em ter parceiros confiáveis. Pelo contrário, isso é fundamental. Mas como a arquitetura muda e surgem novas tendências — como a sustentabilidade —, é importante conhecê-las e estar aberto a novas escolhas.

Por exemplo, conhecendo a tendência de sustentabilidade você sabe que em vez de optar pela telha de cerâmica comum, há opções mais leves e duráveis, como as telhas ecológicas — algo que você não saberia se não buscasse inovação.

Além disso, com o leque de opções maior, você se torna mais versátil. Conseguindo trabalhar com qualquer tipo de material e tendência, também surgirão novos desafios.

Aspectos para uma boa avaliação de fornecedores

Agora que está claro que contar com bons materiais é fundamental, veja como fazer uma avaliação de fornecedores adequada.

Quais as suas opções?

Indicações de pessoas confiáveis é um bom ponto para começar. Contudo, é importante você fazer suas próprias pesquisas. Cada pessoa tem sua própria experiência, por isso o que funciona para um pode não funcionar para você.

You might be interested:  3 dicas de como cuidar bem do seu telhado

Pesquise para saber se os fornecedores são referência no assunto. Cheque desde sites e redes sociais até a própria loja. Para quem busca por telhados, vale visitar as construções que usaram aquele material para dar uma olhada.

Quem é o fornecedor?

Aqui não tenha medo de bancar o detetive. Quem você selecionar como possível parceiro merece uma investigação completa nos seguintes aspectos.

Tradição

Essa empresa é nova ou já está há anos no mercado? De onde ela vem e qual é a sua experiência com o material que você busca? É um especialista nesse ramo ou um vendedor geral?

Cultura

Quais são os valores da empresa? No que ela acredita e o que pretende buscar como organização? Talvez isso possa parecer um detalhe distante para você, mas não é. Quando a empresa sabe aonde quer chegar, suas ações influenciam inclusive o tratamento com o consumidor.

Estrutura e produtos

A qualidade precisa ser garantida em todos os aspectos. Qual é a variedade de produtos da empresa? Ela investe em tecnologia e inovação ou vende o de sempre? Onde é sua base? Onde ela guarda o estoque e de onde vem a matéria-prima?

Esse também é outro ponto que pode parecer demais, mas veja só. No exemplo do telhado, já pensou se você encomendar certa quantidade de telhas e, depois de receber, perceber que metade tem defeitos? Ou que quebraram por causa de um armazenamento ruim? É prejuízo para você e outro gasto de dinheiro.

Tenha em mente que um bom fornecedor não tem nada a esconder e busca uma relação de confiança com os clientes.

O que falam sobre ele?

Qualidade também é perceptível nas avaliações da empresa. É importante saber o que falam desse fornecedor. Quanto mais avaliações, melhor. Mas cuidado, pois muitas pessoas têm uma experiência ruim e exageram. Saiba avaliar se o que foi dito tem peso.

You might be interested:  3 dicas de como cuidar bem do seu telhado

Na prática, como ele é?

Quando você está selecionando novas parcerias, pode trabalhar com um esquema de pesos. Literalmente você dará notas a elas em vários quesitos. Se perceber que alguma já é ruim nessa fase, nem vale a pena entrar em contato.

Na prática, preste atenção no atendimento: se a empresa está aberta a tudo o que você quiser saber, se resolve as suas dúvidas, se existe consultoria especializada para atender às suas necessidades.

Depois de uma primeira compra, continue avaliando. A empresa entregou tudo no prazo certo e teve compromisso com você? Todos os produtos estavam corretos e devidamente embalados? Houve pós-atendimento? É assim que uma boa parceria se mantém.

E o orçamento?

Por fim, preste atenção não só no orçamento, mas no custo-benefício. Aqui aquele velho ditado “o barato sai caro” vale muito. Não adianta se guiar pelo preço e depois descobrir que o material tem qualidade ruim, apesar de o vendedor ter sido simpático.

Por exemplo, no projeto sustentável pode compensar você optar por telhas transparentes e sustentáveis, que durarão muitos anos. Assim, você economiza em dois aspectos. O primeiro é a durabilidade maior, não sendo necessária a troca tão cedo. O outro é na economia de energia, já que o uso de luz natural é maior. Ou seja, busque soluções que atendam mais de um aspecto do projeto.

Fazer avaliação de fornecedores não é algo rápido e simples, mas vale muito a pena. Pois, todo o trabalho que você terá vai resultar em parcerias acertadas. Elas podem inovar seus projetos de arquitetura e trazer produtos novos e de qualidade para você sempre acompanhar as tendências da área.

Se você gostou do artigo, veja também nosso guia completo para construção e reforma de telhados e confira quais são as melhores coberturas.